???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.famerp.br/handle/tede/573
Tipo do documento: Dissertação
Título: Polimorfismos do gene CTLA4 associado na regulação de células T na resposta imune em indivíduos naturalmente infectados pelo Plasmodium vivax no Estado do Pará
Autor: Trindade, Pamella Cristina Alves 
Primeiro orientador: Machado, Ricardo Luiz Dantas
Primeiro membro da banca: Goloni-Bertollo, Eny Maria
Segundo membro da banca: Melo , Luciane Moreno Storti de
Resumo: O Plasmodium vivax é a causa mais comum de malária humana na região Amazônica brasileira. A imunidade celular requer sinais co-estimulatórios para iniciar ou inibir as respostas das células T. CTLA-4 é um receptor expressado por células T ativadas. O objetivo do estudo foi analisar dois SNPs do gene CTLA4 em pacientes com malária por P. vivax e correlacionar com parasitemia e níveis IL-4. Métodos: Um total de 182 indivíduos com malária por P. vivax foram incluídos no estudo. O DNA foi extraído a partir de amostras de sangue de acordo com o procedimento padrão. O protocolo de PCR-RFLP foi utilizado para indetificar as frequências alélicas e genotípicas dos polimorfismos. A densidade parasitária em indivíduos infectados foram registrados e expressos pelo número de formas assexuadas de P. vivax por microlitro de sangue assumindo uma contagem de 100 campos microscópicos. A dosagem sérica da IL-4 foram detectadas por Milliplex Map kit (Human Cytokine Magnetic Bead Panel- HCTOMAG-60K) com análise no equipamento Magpix/Luminex®.As análises estatísticas foram realizadas utilizando o programa R v 2.11.1. Resultados: para o polimorfismo na posição -1577 G/A, o genótipo G/A teve maior frequência (49.4%), seguido pelo genótipo G/G (41%) e o genótipo A/A (9.6%). Para o polimorfismo na posição -1722 T/C, o genótipo T/T foi o mais frequente (86.7%), seguido pelo genótipo T/C (12.3%) e o menos frequente o genótipo C/C (1%). Os níveis de IL-4 variaram entre 0,61 e 9,32 pg/mL. Não houve diferenças estatisticamente significantes tanto na parasitemia e níveis de IL-4 entre indivíduos com diferentes genótipos. Conclusão: O estudo também destaca a importância da realização de estudos de associação genética em diferentes populações étnicas. Os SNPs do gene CTLA4 podem estar associados à malária vivax em outras áreas endêmicas ou a outras doenças parasitárias, mas parecem não ter tal efeito nesta população.
Abstract: Plasmodium vivax is the most common cause of human malarial parasite infection in the Brazilian Amazon region. Cell-mediated immunity requires costimulatory activity to initiate or inhibit antigen-specific T-cell responses. Cytotoxic T lymphocyte-associated antigen (CTLA)-4 is an inhibitory receptor expressed by activated and regulatory T cells. The aim of this study was to analyze two coding single-nucleotide polymorphisms (SNPs) in CTLA4 in patients with P. vivax malaria and their correlation with parasitaemia and plasma interleukin (IL)-4 levels. Methods: A total of 182 P. vivax malaria patients were enrolled in the study. DNA was extracted from blood samples using a standard procedure. A PCR-RFLP protocol was used to identify the genotype and allele frequencies of the polymorphisms. The density of parasitemia in the infected individuals was recorded and expressed as the number of asexual P. vivax per microliter of blood assuming a count of 100 microscopy fields and estimated before treatment. Serum levels of IL-4 were detected using a Milliplex Map kit (Human Cytokine/Chemokine Magnetic Bead Panel–HCYTOMAG-60K) and a Magpix/Luminex®. Analyses were performed using R version 2.8.1 statistical software. Results: For the polymorphism at position -1577 G/A, the G/A genotype had the highest frequency (49.4%), followed by the G/G genotype (41%) and the A/A genotype (9.6%). For the polymorphism at position -1722 T/C, the T/T genotype had the highest frequency (86.7%), followed by the T/C genotype (12.3%), and the least frequent was the C/C genotype (1%). The IL-4 plasma level ranged from 0.61 to 9.32 pg/mL. There were no statistically significant differences in either parasitaemia or plasma IL-4 levels among individuals with different genotypes. Conclusion: The study also highlights the importance of conducting genetic association studies in different ethnic populations. CTLA4 SNPs may be associated with malaria vivax in other endemic areas and other parasitic diseases, but they appear to have no such effect in this studied population.
Palavras-chave: Plasmodium vivax
Plasmodium vivax
Polimorfismo Genético
Polymorphism, Genetic
Malária Vivax
Malaria Vivax
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto
Sigla da instituição: FAMERP
Departamento: Faculdade 1::Departamento 1
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde
Citação: Trindade, Pamella Cristina Alves. Polimorfismos do gene CTLA4 associado na regulação de células T na resposta imune em indivíduos naturalmente infectados pelo Plasmodium vivax no Estado do Pará. 2014. 144 f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto, São José do Rio Preto.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 1136
URI: http://bdtd.famerp.br/handle/tede/573
Data de defesa: 4-Sep-2014
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PamellaCristinaAlvesTrindade_Dissert.pdfDocumento principal751,59 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.