???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.famerp.br/handle/tede/517
Tipo do documento: Dissertação
Título: Importância dos professores de educação física para prevenção da obesidade em escolares
Autor: Miranda, João Eduardo Cardoso de 
Primeiro orientador: Carvalho Filho, Guaracy
Primeiro membro da banca: Vendruscolo, Dulce Maria Silva
Segundo membro da banca: Chueire, Alceu Gomes
Resumo: Este estudo teve como objetivo identificar as necessidades de aprendizagem dos professores de educação física a partir de seus conhecimentos sobre o tema “obesidade”. Foram pesquisados 40 profissionais de educação física, todos com a mesma formação, da rede pública de ensino fundamental e médio da região de Catanduva. Foi utilizado um questionário para que os eles pudessem demonstrar seus conhecimentos do assunto. O enfoque principal da pesquisa foi a prevenção da obesidade infantil, já que estes profissionais de saúde são os primeiros a terem contato com as crianças. Para a coleta de informações o questionário elaborado constava de 10 perguntas de múltipla escolha, divididas entre as questões mais freqüentes sobre obesidade infantil, assim como suas causas, as principais enfermidades, alterações, prevenção e tratamento. Quanto às causas da obesidade 75% dos entrevistados disseram desconhece-las, e quanto aos fatores que originam a obesidade 66,65% apontaram os fatores genéticos e 55% os fatores endócrinos, dentre os 25% que disseram conhece-las. No entanto 100% dos entrevistados apontaram a falta de atividade física como fator determinante das causas da obesidade. Dentre as enfermidades cardiovasculares na obesidade o resultado apresentado foi de 77,7% dos entrevistados as desconhecerem, e dentre os 22,3% que disseram conhece-las, somente 75,5% conhecem como enfermidade o infarto do miocárdio e 62,5% conhecem a insuficiência cardíaca, 50% a taquicardia e 25% a hipertensão arterial. Dentre as alterações osteomusculares, 83,4% dos entrevistados não as conhecem. Somente 11,1% dos professores de educação física entrevistados disseram conhecer as principais alterações endócrinas relacionadas com a obesidade. Para a avaliação clinica da obesidade utilizamos como referencia o IMC. Para embasar os resultados obtidos foram realizadas entrevistas com especialistas, sendo 2 médicos endocrinologistas, 2 médicos cardiologistas e 2 nutricionistas. Os resultados da pesquisa entre os Professores de Educação Física e das entrevistas com os especialistas comprovaram as necessidades de aprendizagem em obesidade, com atenção em sua prevenção
Abstract: This study had as objective to identify the necessity of learning for teachers of physical education since their knowledge about subject "obesity". Forty teachers of physical education were searched in the public school system fundamental and medium of the region of Catanduva city-SP. A questionnaire was used for that teachers could demonstrate their position about the subject. The main focus of the search was the prevention of childhood obesity, as these health professionals, are the first to have contact with children in school. For collecting information, the questionnaire was organized with 10 questions, multiple choice, divided among the issues most frequently about childhood obesity, as well as its causes, the main pathologies, alterations, prevention and treatment. As the causes of obesity 75% of interviewed said unknown them, and about the factors that originate it, 66.65% pointed genetic factors and 55% of the endocrine factors, among the 25% who said knows them. Yet 100% of the interviewed pointed the lack of physical activity as factor determining the causes of obesity. Among cardiovascular diseases in the obesity the result analyzed was: 77.7% of interviewed unknow them, and among the 22.3% who said knows them, only 75% know the myocardial infarction as disease, and 62.5% know the heart failure, 50% to tachycardia and 25% the hypertension. Among the alteration osteomusculares, 83.4% of those interviewed did not know them. Only 11.1% of teachers of physical education researchers say knowing the main endocrine alterations related to obesity. For the clinic evaluation of obesity we use as reference the IMC, (Body Mass Index). For sustain the results gotten were accomplished interviews with experts: 2 doctors endocrinologysts, 2 doctors cardiologists and 2 nutritionists. Interviews with experts proved the necessity of learning for teachers of physical education in relation to obesity, and in especially its prevention.
Palavras-chave: Educação Física e Treinamento
Physical Education and Training
Obesidade
Obesity
Instituições Acadêmicas
Schools
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto
Sigla da instituição: FAMERP
Departamento: Faculdade 1::Departamento 1
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde
Citação: Miranda, João Eduardo Cardoso de. Importância dos professores de educação física para prevenção da obesidade em escolares. 2008. 76 f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde) - Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto, São José do Rio Preto.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 932
URI: http://bdtd.famerp.br/handle/tede/517
Data de defesa: 9-May-2008
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JoãoEduardoCardosodeMiranda_Dissert.pdfDocumento principal768,43 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.