Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/tede/331
Tipo do documento: Dissertação
Título: Vinculação materna no puerpério
Autor: Souza, Lara Helk de 
Primeiro orientador: Soler, Zaída Aurora Sperli Geraldes
Primeiro coorientador: Sasaki, Natalia Sperli Geraldes Marin dos Santos
Primeiro membro da banca: Ponce, Maria Amélia Zanon
Segundo membro da banca: Sabino, Ana Maria Neves Finochio
Resumo: Introdução: A vinculação materna constitui um processo de adaptação entre mãe e bebê, inicia-se na gestação e desenvolve-se lenta e gradualmente. Esta ligação entre mãe e filho é considerada uma adaptação fundamental para a preservação da vida e constitui a base da saúde mental do bebê e dos cuidados maternos. Objetivo: Verificar, por meio de instrumentos estruturados, características sócio demográficas econômicas culturais e da gestação associando à vinculação materna no puerpério imediato. Método: Trata-se de um estudo descritivo analítico correlacional, utilizando uma metodologia quantitativa. Foram entrevistadas 200 puérperas de janeiro a fevereiro de 2014, no Hospital da Criança e Maternidade de São José do Rio Preto- SP por meio de um questionário estruturado e um instrumento validado. Resultados: O tipo de parto não influenciou a vinculação materna, a indesejabilidade da gravidez influenciou de forma negativa e, diferente do esperado o acompanhante durante o parto não influenciou a vinculação. Conclusão: Espera-se com este estudo uma mudança na prática do enfermeiro, visando uma melhora na prática do cuidado, fortalecendo a relação entre mãe/bebê e a qualidade dos cuidados dispendidos pelos pais a este novo ser em desenvolvimento.
Abstract: Introduction: The maternal bonding is an adaptation process between mother and baby, starting in pregnancy and developing slowly and gradually. This bonding between mother and child is considered a fundamental adaptation for the preservation of life and constitutes the base of the baby's mental health and of the maternal care. Objective: To determine, through structured instruments, sociodemographic economic cultural and motherhood characteristics and the maternal attachment in the postpartum. Method: It is a correlational analytical descriptive study, using a quantitative methodology. 200 postpartum women were interviewed from January to February 2014, at the Children's Hospital and Maternity of São José do Rio Preto-SP through a structured questionnaire and a validated instrument. Results: The type of delivery by the pregnant woman during prenatal care did not influence the maternal bonding, the undesirability of the pregnancy influenced negatively and, different from the expected, the companion during childbirth did not influence the binding. Conclusion: It is hoped with this study a change in nursing practice, aiming at an improvement in the practice of care, strengthening the relationship between mother/baby and the quality of the spent care by parents to this new being in development.
Palavras-chave: Cuidados de Enfermagem
Nursing Care
Apego ao Objeto
Object Attachment
Enfermagem Neonatal
Neonatal Nursing
Período Pós-Parto
Postpartum Period
Área(s) do CNPq: ENFERMAGEM::ENFERMAGEM DE SAUDE PUBLICA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto
Sigla da instituição: FAMERP
Departamento: Faculdade 1::Departamento 1
Programa: Programa de Pós-Graduação em Enfermagem
Citação: Souza, Lara Helk de. Vinculação materna no puerpério. 2014. 76 p. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Enfermagem) - Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto,São José do Rio Preto.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 1230
URI: http://hdl.handle.net/tede/331
Data de defesa: 21-Out-2014
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Enfermagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
larahelkdesouza_dissert.pdflarahelkdesouza_dissert972,67 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.