Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/tede/253
Tipo do documento: Tese
Título: Análise da variabilidade da frequência cardíaca, variáveis cardiopulmonares e catecolaminas plasmáticas durante recuperação pós-exercício
Autor: Hoshi, Rosangela Akemi 
Primeiro orientador: Godoy, Moacir Fernandes de
Primeiro membro da banca: Fornitano, Luís Domingos
Segundo membro da banca: Alonso, Orfa Yineth Galvis
Terceiro membro da banca: Pastre, Carlos Marcelo
Quarto membro da banca: Vanderlei, Luiz Carlos Marques
Resumo: Introdução: A realização de exercícios físicos promove alterações no sistema nervoso autônomo, principal responsável pelas funções neurovegetativas. Devido à sua importância, diversos métodos são utilizados para avaliação, como a análise da Variabilidade da Frequência Cardíaca (VFC), considerada uma técnica indireta de acesso ao funcionamento autonômico, porém seu emprego é ainda questionado. Objetivos: analisar a correlação entre índices de VFC e concentração de adrenalina e noradrenalina, e observar a recuperação pós-exercício, a partir dos índices lineares e não lineares de VFC e de parâmetros cardiopulmonares. Métodos: 28 participantes, divididos em dois grupos (N=14), foram submetidos à avaliação da recuperação após exercício. Um grupo realizou esforço submáximo (55% do V̇O2pico), por 5 minutos, e o outro, supramáximo ( 110% do V̇O2pico) até a exaustão. Durante 90 minutos pós-exercício foram realizadas coletas sanguíneas, registros das variáveis cardiopulmonares e análise da VFC. Resultados: No período entre o basal e imediatamente após o exercício, detectou-se que adrenalina e noradrenalina apresentaram correlações não lineares significantes com intervalos R-R, frequência cardíaca, índices lineares de VFC e parâmetros não lineares relacionados à complexidade e fractalidade. Após exercício realizado a 55% do V̇O2pico, a recuperação foi verificada entre 30 e 60 minutos, enquanto que para o esforço a 110%, 90 minutos não foram suficientes para o retorno das variáveis aos níveis basais. Conclusões: Concentrações de catecolaminas plasmáticas após exercícios apresentam correlação com índices lineares de VFC e parâmetros não lineares relacionados às características complexas e fractais dos batimentos cardíacos, sobretudo o expoente de Lyapunov. A recuperação das variáveis analisadas ocorreu em tempos diferentes, porém as alterações promovidas pelo exercício supramáximo foram muito mais expressivas e duradouras.
Abstract: Introduction: Exercises promote changes in the Autonomic Nervous System, the mainly responsible for neurodegenerative functions. Due to its importance, several methods are used in evaluation such as Heart Rate Variability (HRV) analysis, considered an indirect technique to assess autonomic functions, but its use is still questioned. Objectives: To analyze the correlation between HRV indices and concentration of epinephrine and norepinephrine, and observe post-exercise recovery, by HRV linear and nonlinear indices and cardiopulmonary parameters. Methods: 28 participants, divided into two groups (N = 14) had their recovery after exercise evaluated. One group performed submaximal effort (55% V̇O2peak), for 5 minutes, and the other, supramaximal (110% of peak V̇O2) until exhaustion. During 90 minutes post-exercise, blood samples were collected, cardiopulmonary variables were registered and HRV was analyzed. Results: Between baseline and immediately postexercise, we detected that adrenaline and noradrenaline showed significant nonlinear correlation with RR intervals, heart rate, HRV linear indices and nonlinear parameters related to complexity and fractality. After exercise performed at 55% of peak V̇O2, recovery was observed between 30 and 60 minutes, whereas for exercise at 110%, 90 minutes were not enough for returning of variables to baseline levels. Conclusions: Plasma catecholamine concentrations after exercise presented correlation with HRV linear indices and nonlinear parameters related to complex and fractal characteristics of heartbeats, especially the Lyapunov exponent. The variables recovery occurred at different times, but the changes caused by supramaximal exercise were more expressive and lasting.
Palavras-chave: Catecolaminas
Homeostase
Catecholamines
Homeostasis
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto
Sigla da instituição: FAMERP
Departamento: Faculdade 1::Departamento 1
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde
Citação: Hoshi, Rosangela Akemi. Análise da variabilidade da frequência cardíaca, variáveis cardiopulmonares e catecolaminas plasmáticas durante recuperação pós-exercício. 2015. 117 p. Tese( Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde) - Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto, São José do Rio Preto.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/tede/253
Data de defesa: 25-Set-2015
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
rosangelaakemihoshi_tese.pdfrosangelaakemihoshi_tese2,5 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.