Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/tede/222
Tipo do documento: Dissertação
Título: Avaliação do uso de armadilhas de oviposição como método de vigilância entomológica para Aedes aegypti.
Autor: Barbosa, Angelita Anália Carniel 
Primeiro orientador: Chiaravalloti Neto, Francisco
Primeiro membro da banca: Moura, Maria Sílvia de Assis
Segundo membro da banca: Machado, Ricardo Luiz Dantas
Resumo: Armadilhas de oviposição são consideradas importantes medidas de vigilância entomológica para Aedes aegypti, entretanto ainda não são utilizadas nas atividades de rotina no Programa de Controle da Dengue no Brasil. Este estudo teve como objetivos avaliar o comportamento das armadilhas de oviposição e relacioná-lo com as medidas de densidade larvária e climáticas. O trabalho foi realizado em um bairro da cidade de São José do Rio Preto, Estado de São Paulo, onde 50 quadras foram selecionadas e, em cada quadra, foram escolhidas duas casas em faces opostas. Em cada casa foi instalada uma armadilha no peridomicílio ao relento, próxima às plantas e a uma altura de 0,5m a 1m. Foram feitas medidas quinzenais, entre outubro/2003 a setembro/2004, com a colocação das armadilhas na primeira semana e retirada na segunda. Foram realizadas, quinzenalmente, medidas de densidade larvária e obtidos dados climáticos diários. Utilizou-se o método das Equações de Estimação Generalizadas para ajuste de modelos entre a positividade e o número médio de ovos e as demais variáveis analisadas. Foram identificados três períodos distintos no comportamento da positividade das armadilhas e no número médio de ovos encontrados. No primeiro (outubro a dezembro) ocorreu aumento dos valores, no segundo (janeiro a maio) os valores permaneceram em um patamar e no terceiro (junho a setembro) ocorreu decréscimo. Os valores da positividade e o número médio de ovos observados no primeiro e terceiro períodos acompanharam as variações observadas nos dados climáticos. Durante os meses de outubro a dezembro, altas correlações foram obtidas entre a positividade e número médio de ovos, mostrando que uma variável prediz a outra e que neste período o número médio de ovos pode ser estimado apenas pela positividade. Os modelos ajustados para a positividade e o número médio de ovos tiveram como variáveis explicativas temperaturas, umidades, pluviosidade e quinzena e indicaram a possibilidade da obtenção de modelos preditivos de modo que essas medidas poderiam ser estimadas sem a necessidade da realização de atividades de campo. Para ambos os modelos, a medida de densidade larvária não foi incluída como variável explicativa. A armadilha apresentou sensibilidade para a detecção de Aedes aegypti sempre superior a 90% e a medida de densidade larvária sempre inferior a 25%. Identificaram-se os períodos de outubro a dezembro e junho a setembro com os mais propícios para utilização das armadilhas de oviposição como medidas de vigilância entomológica e o período de dezembro a junho como ideal para a realização de medidas de densidade larvária.
Abstract: Oviposition traps are considered important entomological surveillance tools for Aedes aegypti, although they are still not used in routine activities of the Dengue Control Program in Brazil. The aims of this study were to evaluate the behavior of oviposition traps and related them to larval density measures and climatic data. This study was performed in a quarter from São José do Rio Preto, state of São Paulo, where fifty blocks were selected and two houses in opposite sides of each block were chosen to have the traps installed. A trap was installed at unshaded outdoor sites in each house, next to plants and in a height ranging from 0,5m to 1m. A measure was made each fifteen days, from October 2003 to September 2004, with the installation of the oviposition traps in the first week and the removal of them at the second week. Larval density measures were performed each fifteen days and climatic data was obtained on daily basis. The method of Generalized Estimation Equation was used to adjust the models among the positivity, the mean number of eggs and the other analyzed variables. Three distinct periods were identified at the positivity behavior of the oviposition traps and the mean number of obtained eggs. At the first (October to November), there was an increase in the values; at the second (January to May), the values remained stable; and at the third (June to September), there was a decrease. The observed values of positivity and the mean number of eggs observed at the first and third periods followed the variations in climatic data. From October to December, high correlations were obtained between the positivity and mean number of eggs, showing that one variable predicts the other and, at this period, the mean number of eggs can be estimated just by the positivity. The adjusted models for the positivity and mean number of eggs had temperature, humidity, pluviosity and fortnight as explicative variables. They also indicated the possibility of obtaining predictive models in a way these measures could be estimated without the necessity of fieldwork activities. For both models, the larval density measure was not included as an explicative variable. The trap presented a sensibility to detect Aedes aegypti higher than 90% and the larval density measures were always inferior to 25%. The periods from October to December and June to September were identified as the most appropriate to use oviposition traps as entomological surveillance tools. The period from December to June was identified as the ideal time to perform larval density measures.
Palavras-chave: Aedes Aegypti
Armadilha de Oviposição
Variáveis Climáticas
Medidas de Densidade Larvária
Aedes Aegypti
Oviposition Traps
Climatic Variables
Larval Density Measures
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::SAUDE COLETIVA::EPIDEMIOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto
Sigla da instituição: FAMERP
Departamento: Medicina Interna; Medicina e Ciências Correlatas
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde
Citação: BARBOSA, Angelita Anália Carniel. Avaliação do uso de armadilhas de oviposição como método de vigilância entomológica para Aedes aegypti.. 2006. 82 f. Dissertação (Mestrado em Medicina Interna; Medicina e Ciências Correlatas) - Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto, São José do Rio Preto, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/222
Data de defesa: 9-Mar-2006
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
angelitabarbosa_dissert.pdf1,25 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.